Uma Pereira de Jardim, ou o que sobrou dela, foi o ultimo ser vivo resgatado dos escombros das Torres Gêmeas, no atentado do dia 11 de setembro de 2001. Três semanas após a tragédia, ela foi encontrada, com apenas um quarto do seu tamanho.
Veja na reportagem de Anna Virginia Balloussier, para a Folha de São Paulo, como a Árvore Sobrevivente se tornou um símbolo da resiliência de Nova York.

https://goo.gl/6hbJ6f

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.