A maior onda de incêndios florestais da história moderna do Chile estão castigando o país. As regiões mais atingidas estão no centro e sul. Incêndios florestais são eventos regulares nos verões áridos e quentes do Chile, mas uma seca de quase uma década combinada com temperaturas bastante altas criaram as condições atuais. Ao todo, 85 incêndios diferentes foram registrados, cobrindo cerca de 190 mil hectares. Informações recentes davam conta de que 35 incêndios estavam fora de controle. Apenas na cidade de Santa Olga, na região de Maule, cerca de mil imóveis foram arrasados pelo fogo em menos de 24 horas.

Em Santa Catarina, para prevenir este problema, algumas empresas florestais adotaram um sistema de monitoramento que inclui torres de vigilância e câmeras que operam 24 horas por dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.