Começou hoje e vai até quinta-feira (22), em Curitiba (PR), o II Congresso Internacional de Biomassa e a II ExpoBiomassa. O ultimo dia de congresso contará com a apresentação do diretor executivo da ACR, Mauro Murara Jr., que vai dar um panorama do setor de base florestal em Santa Catarina e apresentar alguns dados referentes a biomassa florestal no estado.

Conversamos com Tiago Fraga, do Grupo FRG Mídias & Eventos, que está organizando e coordenando os eventos. Acompanhe:

Porque realizar um congresso internacional de biomassa?
O setor da biomassa e energia é um dos mais representativos quando falamos em energias renováveis. Aproximadamente 8% da energia elétrica consumida no país é abastecida por esta fonte. Além disso, todo setor forte precisa de um evento que seja referência acadêmica, técnica e tecnológica.

Qual o perfil do congressista?
Os participantes são empresários dos setores de floresta, cana, agronegócio, todos que tenham processo energético na produção. Empresas como Cargil, Ambev, por exemplo, têm seus sistemas de geração com biomassa.

E o que eles podem esperar do congresso?
O evento terá empresas que representam toda a cadeia produtiva do setor. Empresas de picadores, caldeiras, turbinas, entre muitos outros fornecedores estarão participando dos eventos. É uma excelente oportunidade para o setor mostrar a sua força!

Qual sua visão a respeito da biomassa para os próximos 20 anos?
O Brasil precisa ficar atento às questões climáticas e energéticas. Principalmente, para que o país possa cumprir as metas de redução de emissões, que só serão possíveis com o fortalecimento e crescimento de setor de energias renováveis, em especial a biomassa.

Saiba mais em http://www.congressobiomassa.com/

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.