Cerca de 50 pessoas participaram nesta terça e quarta-feira, em Ponte Alta do Norte (SC), de um treinamento organizado pela Associação Catarinense de Empresas Florestais (ACR). O curso sobre estradas, pontes e acessos florestais aconteceu na sede da FRP Florestal, empresa associada à ACR.

No primeiro dia o engenheiro florestal Osmar Kretschek e equipe, apresentaram sistemas para definição de traçado de estradas em áreas de florestas. A parte da manhã do segundo dia, foi dedicada transposição de obstáculos. O engenheiro civil Fernando César Húngaro falou sobre dispositivos mistos, de concreto e aço e também de outros materiais alternativos. Também engenheiro civil, Guilherme Stamato, defendeu o uso de madeira para construção de pontes. Com exemplos no Brasil e em outros países, demonstrou a qualidade e resistência da madeira em diversos casos de sucesso.

No período da tarde ocorreu a parte prática, com uma visitação a algumas estradas e pontes mantidas pela FRP Florestal e que dão acesso aos talhões de pinus da empresa.

Profissionais de diversos estados participaram do curso. O diretor presidente da Associação Sul-Matogrossense de Produtores e Consumidores de Florestas Plantadas (Reflore), Moacir Reis, estava entre os inscritos. O Mato Grosso do Sul é o principal expoente de madeira de eucalipto no Brasil. Em menos de 10 anos o estado saltou de 100 mil hectares para um milhão de hectares com florestas plantadas. De acordo com o presidente da Reflore, Santa Catarina vem dando bons exemplos ao setor. “Viemos conhecer o estado de Santa Catarina, que através da ACR tem feito um trabalho importante no sentido de fomentar tecnologias de base florestal. O evento mostrou que a madeira tem diversas utilidades, entre elas a utilização na construção civil, com qualidade e preços competitivos. E o sul do país está fazendo um trabalho muito interessante no sentido de agregar valor à madeira”, disse Moacir Reis.

Veja mais fotos em: http://www.acr.org.br/imagens.php?id=37

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.